Melhor palmada da mãe, do que uma surra da vida!

O título é pra chocar mesmo.
Se é que choca, afinal as coisas do jeito que estão e com um sistema que se faz de cega a tanto tempo, talvez este post seja apenas mais um post.




Fazia tempo que queria escrever sobre esse assunto e hoje parei e resolvi fazer isso.
As redes sociais bombam de pessoas que acham que sabem tudo, de pessoas que acham que a vida é como no fantástico mundo de Bob.
Os nossos parlamentares achando que já solucionaram todos os problemas desse país #soquenão, resolveram elaborar e aprovar essa tal lei .
Que emocionante não é ?
Nossos parlamentares preocupados com a segurança de nossas crianças. Oi ?
Mas é claro que corre bem exibir correção politica, mostrar que eles estão de fato preocupados "com nossas crianças", como eles mesmo falam.
A vontade que dá ? De rir bem muito.
Se eles estivessem realmente preocupados com a segurança, a primeira coisa que eles colocariam como prioridade seria a educação, nem preciso entrar em detalhes, bastar ler e assistir aos jornais todos os dias.
Tá claro, tá óbvio.
Tantas coisas pra arrumar neste país, o que eles fazem ? Aprovam uma lei absurdamente inútil como essa!
Isso mesmo inútil !
Antes que você venha aqui no meu blog, dizer que sou uma sem noção, que só fala besteira, que não vai saber educar a filha, que não tem autoridade de apenas "olhar" pra filha, quando ela estiver aprontando muitas e sair correndo em um shopping lotado e por isso usa aquelas coleirinha de segurança ( isso quando saio para lugares grandes e lotados ela usa sim ), eu sou contra a qualquer tipo de abuso físico seja com criança, idosos, animais, fadas e duendes !
Mas deixa eu te explicar : uma coisa é agressão, outra muito diferente é uma palmada dada pela mãe ou o pai pra corrigir um filho birrento, que adora demonstrar a todos, que os pais fazem tudo o que ele quer e na hora que ele quer !
Aprenda a separar uma coisa da outra.
Uma palmada não vai causar traumas futuros em uma criança, o que vai causar um trauma futuro a ele e a você , é se por um momento ele não entender os limites que você como pai e mãe tem que impor.
Não estou dizendo que você não deve conversar, estou dizendo que uma palmada em uma criança que ainda está em fase de formação, e por não entender muito o que acontece á sua volta, mostra sim os limites impostos pelos pais.
Levei palmada da minha mãe, do meu pai, da minha avó, e nunca tive traumas. É porque hoje tudo traumatiza né ?
Melhor levar uma palmada, do que mais tarde a vida ter que ensinar com uma surra, como vemos em muitos casos.
Filhos que não respeitam os pais, fazem o que querem, e na maioria dos casos se transformam no que ?
Eu não aceito o Estado vir me dizer como devo criar minha filha ou não.
A criança é agredida ou surrada pelos pais ou quem quer que seja ? cadeia nos agressores.
Agora vou bem aceitar a Alice ter liberdade de transformar minha vida, a vida dos avós e da comunidade em que vivemos em um inferno porque não posso dar uma palmada ?
Posso sim e dou quando necessário. Ela tem que crescer entendendo que a autoridade lá em casa sou eu, que acordo cedo, pego ônibus lotado, trabalho duro pra dar o melhor pra ela, pra fazer por ela o que meus pais não puderam fazer por mim.
Já pensou ? As pessoas vão começar a  chamar a  polícia no instante em que verem pais dando uma palmada na bunda de seus filhos... é mesmo o fim da picada.
Não estou dizendo que deve bater pra educar. Estou dizendo que em muitos momentos a conversa com uma palmada vai contribuir sim, para o seu filho entender até onde ele pode ir.
O congresso devia se preocupar em fazer algo que realmente melhorasse a vida do cidadão em termos de saúde, educação, situação econômica, transporte público ... dá uma vergonha sabe...
Que país esse ?
Que pessoas são essas ?
Forme cidadãos de bem, não adultos frustrados e mal educados.
Crianças sem limites, adultos  sem caráter !




12 comentários:

  1. Apoiada! Como mãe eu concordo contigo. Quem é o Estado para interferir no modo como criamos nossos filhos? Realmente vejo que eles (os que estão no poder) não têm o que fazer; quer dizer, eles têm o que fazer e é muita coisa, mas estão fazendo-se de cegos, iludindo os ignorantes. Estado, ponha-se no seu lugar e faça o que tem de ser feito: educação de qualidade, saúde que preste, segurança que funcione, etc, etc...

    Jaque Santos

    ResponderExcluir
  2. Palmada é agressão, não importa o quanto se mascare isso.

    Espero sinceramente que quando vc fizer algo errado seu marido ou chefe lhe meta uma palmada bem dada, afinal, é somente assim que se aprende. Ou não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É por causa de gente ignorante como vc mery que esse país não vai pra frente. A postagem fala de palmada e não de murro na cara.

      Excluir
    2. Mery nós temos idade suficiente de saber o certo e o errado.
      Uma criança não. E muitas vezes conversar só não resolve.
      Essa é sua opinião. E se você conseguir não dar nem uma palmada nos seus ótimo!
      Porque não dou palmada em minha filha por prazer, muito pelo contrário.
      Mas quando a conversa não resolve, dou sim. Palmada hoje, pra ela não ter que bater na minha cara amanhã.

      Excluir
    3. E de fato, acho que você não entendeu, ou não leu : " uma coisa é agressão, outra muito diferente é uma palmada dada pela mãe ou o pai pra corrigir um filho birrento, que adora demonstrar a todos, que os pais fazem tudo o que ele quer e na hora que ele quer !
      Aprenda a separar uma coisa da outra.
      Uma palmada não vai causar traumas futuros em uma criança, o que vai causar um trauma futuro a ele e a você , é se por um momento ele não entender os limites que você como pai e mãe tem que impor.
      Não estou dizendo que você não deve conversar, estou dizendo que uma palmada em uma criança que ainda está em fase de formação, e por não entender muito o que acontece á sua volta, mostra sim os limites impostos pelos pais.

      Excluir
  3. Tina
    Apoio viu Paty!
    Tem gente que pensa que vamos matar a criança de palmada.
    Genteee é uma palmada, e não um murro!
    Converso com minha filha, olho no olho. Mas quando ela passa dos limites eu dou sim uma palmada no bumbum ou na cocha. Nada forte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Converso, converso e converso.
      Mas se ela se recusa a fazer o correto, uma palmadinha coloca sim tudo no lugar. E nem por isso ela deixa de me amar!

      Excluir
  4. Apoiada
    espancar errado ,mais umas palmadinhas nao faz mal .
    eu converso com a minha filha ,mais quando ela quer passar dos limites ,eu dou sim uma palmadas .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema é que o povo generaliza tudoooooooo

      Excluir
  5. Apoiada Paty, nós temos que criar nossos filhos da forma que acharmos melhor!
    Não tem dessa que palmada não resolve, resolve sim senhor..

    Agradeço muito á minha família por cansar de me corrigir dessa forma, se não fosse isso hoje em dia poderia estar por ae me drogando, ou andando com companhias erradas porque a minha família só fazia o que eu queria, nem sempre conversa resolve!

    Não é por que você dá uma palmada na sua filha que você está deixando de amá-la, vc está dando uma palmada na sua filha, pq não quer ver mais tarde ela ser uma pessoa frustrada pq não pode ter tudo o que quer, na hora que quer..
    Tem que haver limite e respeito dos filhos com seus pais, e isso começa desde cedo!

    Parabéns pelo post..
    Bjos enormes
    http://amaedadrii.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado amada por expor aqui a sua opinião. Grande abraço !

      Excluir